sábado, 23 de junho de 2018

Dance Music/Eurodance Quotes

Olá,meus caros e queridos leitores!. Tudo bom?. Espero que sim. Sejam todos bem vindos e obrigada pela visita!!!.

O post de hoje é com citações da Dance Music/Eurodance (anos 90 e 2000). Algumas citações de belas canções,selecionadas por mim.


A ideia das citações começou lá na page do blog e aí,decidi postá-las aqui também. Aproveitando que estamos falando da page,curta lá : https://www.facebook.com/AninhahyDanceBlog/

Tudo começou com 2 Brothers On The 4th Floor e o seu Come Take My Hand (1995)

''It's up to you to find,what you're looking for''
''Cabe a você,encontrar o que está procurando''.


E que tal o mestre Gigi D'Agostino e seu clássico imortalizado : L'amour Toujours (I'll Fly With You) (1999/2000)?!.

''There is no choice,I belong to your life. Because I will live to love you someday. You'll be my baby and will fly away. And I'll fly with you...'' 
''Não há escolha,eu pertenço à sua vida. Porque vou viver para te amar algum dia. Você será meu amor e nós vamos voar pra longe. E eu voarei com você''.



Finalizando com mais uma maravilhosa : Double You feat. Alexia - Part-Time Lover (1993)

''Now I'm standing here in the dark and silence is my friend''
''Agora estou aqui parado no escuro e o silêncio é meu amigo''.


E fiquem ligados,em breve,mais citações da Dance Music/Eurodance.

Espero que tenham gostado. Obrigada a todos que conferiram mais esse post. Nos encontramos no próximo. Bom fim de semana!. Até lá,pessoal!!!.

segunda-feira, 4 de junho de 2018

Meu Top 5 : Lasgo

Olá,meus caros e queridos leitores!. E aí,tudo bem?. Espero que sim. Sejam todos bem vindos e obrigada pela visita!!!.

E vamos seguindo com mais uma parte do Meu Top 5,minhas 5 canções favoritas de determinado projeto. Caso não tenha acompanhado,esta foi a 1ª parte :

http://aninhamusicadance.blogspot.com.br/2018/04/meu-top-5-masterboy.html

Para o Meu Top 5 de hoje,escolhi mais um projeto maravilhoso. Desta vez,as minhas 5 canções favoritas serão dos belgas do Lasgo.



Eu sei,vocês devem estar pensando : ''Eu não sou capaz de fazer um Top 5 Lasgo'',''É muito difícil''...
Sim,assim como foi no do Masterboy,fazer um Top 5 de Lasgo não foi mole não.

Mas,no final saiu. Então,sejam bem vindos ao Meu Top 5 : Lasgo. A é a minha favoritíssima.

Alone (2001)



2ª : Pray (2002)



3ª : Something (2001) Tenho certeza que esta é a 1ª do Top 5 de muitos (haha).



4ª : Follow You (2001)



5ª : Surrender (2003)



E aí?. Curtiram o meu top 5?. É igual ao seu?. Não?. Então,me diz aí,qual é o seu Top 5 Lasgo. Vou adorar conferir.

Em breve,mais Meu Top 5. Fiquem ligados!.

Obrigada a todos que conferiram mais esse post. Nos encontramos no próximo. Até lá,pessoal!!!.

quarta-feira, 23 de maio de 2018

Astroline : 18 anos de Close My Eyes

Olá,meus caros e queridos leitores!. Tudo bem?. Espero que sim. Sejam todos bem vindos e obrigada pela visita!!!.

Wo oh da de da dum dum baby,Wo oh da de da dum dum baby...

E no post de hoje,vamos celebrar incríveis 18 anos de uma belíssima canção,que agitou as pistas por onde passou e marcou em muitos de nós. A canção da vez vem lá da Bélgica. Falaremos de Close My Eyes,do Astroline.



Close My Eyes é de David Vervoort (David McCullen,aquele mesmo) e Peter Luts (ele mesmo também). 

Peter também produziu a canção. Como puderam ver,a equipe Lasgo estava em peso no projeto Astroline (que veio antes do bombástico Lasgo). Christophe Chantzis (responsável pelos projetos Ian Van Dahl e Absolom) também colaborou no projeto,mas não em Close My Eyes. Só fera,bicho...



Close My Eyes foi lançado em 2000. Cheguei a ver alguns comentários de algumas pessoas dizendo que só conheceram a música no ano de 2002. Eu também cheguei a ouvi-la no rádio em 2002,apesar da música ter sido lançada dois anos antes. 

Mas foi em 2000 que eu ouvi pela primeira vez (mais uma vez com o auxílio dos meus vizinhos da redondeza,que tocava cada musicão que olha...). Era esta,Running On Empty (Diana Fox) e tantas outras que arrasava quarteirão,meus amigos.

O primeiro CD que ganhei e que Close My Eyes era uma das faixas foi o Comando 97 Vol.6,em 2004 (que eu me lembre). Ouvi tanto que quase furei (haha). Continua sendo uma das minhas compilações favoritas. 

Os vocais doces e suaves de Close My Eyes,são da belíssima Kathleen Goossens,que ficou no projeto Astroline de 1997 até 2001 (segundo informações). Mas até hoje,ela faz shows com o nome Astroline,juntamente com Absolom. 

Por falar em Kathleen,hoje é aniversário da bela. Eu tinha planejado um post especial sobre Close My Eyes nos seus 18 anos,mas não era pra agora. Aí eu ia fazer algo homenageando Kathleen e pensei : ''Quer saber?!. Vou unir o útil ao agradável : Post especial de 18 anos de Close My Eyes e algo no aniversário de Kathleen''. E assim é. Hoje ela está completando seus 42 aninhos!. Happy Birthday,Kathleen!.



Bora balançar o esqueleto?. Bora relembrar esse musicão bom demais?. Oh saudade. Arraste o sofá e bora lá. Relembre Astroline - Close My Eyes,diretamente de 2000. Boa vibe e boas recordações,galera!!!.



Trance belga dos bons. Que delícia!. Bora curtir a Regi's Mix :



Este vídeo é uma relíquia suprema. O único vídeo de uma performance de Close My Eyes que encontrei da época. Já nesse tempo Peter dava seus gritos (haha). Confira :



Vamos com Peter Luts Remix :



Aqui,uma apresentação em 2014 (uma daquelas com Absolom). Close My Eyes começa em 4:23 e vai até 6:32. Confira :



Finalizando em grande estilo. Solta o som,DJ...



Puts,o que falar desse som?. Simplesmente divino. Mais um trance imortalizado. Só vibes boas e aquelas doces recordações que nos invadem. 18 anos de mais um clássico das pistas. Mais uma que vive no meu coração!. ❤️❤️❤️❤️

Espero que tenham gostado. Obrigada a todos que conferiram mais esse post. Nos encontramos no próximo. Até lá,pessoal!!!.

quarta-feira, 9 de maio de 2018

1 ano sem Robert Miles

Olá,meus caros e queridos leitores!. Tudo bem?. Espero que sim. Sejam todos bem vindos e obrigada pela visita!!!.

O post de hoje não é daqueles que dá imenso prazer de se ler. Gostaria muito que fosse,mas não é,infelizmente. 

Simplesmente porque hoje,9 de Maio,está completando 1 ano (sim,já se passou 1 ano) que o grande DJ e produtor ítalo-suíço Robert Miles nos deixou.



Roberto Concina (nome verdadeiro de Robert Miles) lutava há tempos contra um câncer em estágio 4 de metástase. No dia 9 de Maio de 2017,Roberto faleceu em sua casa,em Ibiza,na Espanha. Ele tinha apenas 47 anos.

''É com muito pesar que dizemos nosso adeus a Roberto Concina,conhecido como Robert Miles. Robert se foi pacificamente na noite passada (terça-feira) depois de uma corajosa batalha nos últimos 9 meses contra um câncer em estágio 4 de metástase.
Mostrou-se forte,determinado,incrivelmente corajoso e fez tudo que poderia para lutar contra esta doença terrível. Robert era mais do que um artista,ele foi um pioneiro,um criador,uma inspiração,um filho,um pai,nosso amigo.
Por favor,juntem-se a nós e enviem o carinho e respeito para a sua família e a sua filha,que eram o seu mundo",disse a nota da rádio OpenLab (rádio criada pelo próprio).



Como o tempo voa,não?!. Parece que foi ontem que o mundo se surpreendeu e se entristeceu com a notícia de sua partida. Uma grandiosa perda,sem dúvida. Que esteja em um bom lugar e que descanse em paz. R.I.P.,Robert Miles.

Só nos resta continuar mantendo viva a sua música. Seguimos com suas preciosas canções : 

Children 




Fable



Obrigada por sua música!. Para sempre uma lenda!.

É isso. Obrigada a todos que conferiram mais esse post. Nos encontramos no próximo. Até lá,pessoal!!!.

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Aninhahy Dance : 7 anos

Olá,meus caros e queridos leitores!. Tudo bem?. Espero que sim. Sejam todos bem vindos e obrigada pela visita!!!. 

Bom,o post de hoje é especial pra mim. Acho que pelo título,vocês já devem ter uma ideia do que estou me referindo. 

Ontem,dia 22,o blog Aninhahy Dance completou exatos 7 anos. Há 7 anos atrás,aceitei o desafio de dividir meu gosto musical,minhas lembranças e minhas opiniões com outras pessoas.



Parece tão simples,mas na época,eu não tinha absolutamente nenhuma noção de como fazer e de como manter um blog. Até então,eu não tinha feito nada parecido e fiquei meio que com o pé atrás no início.

Tudo começou quando eu conversava com uma amiga através de e-mails. Praticamente todos (mais à noite,precisamente) os dias,conversávamos sobre várias coisas,mas o que dominava era a música (claro!).

Eu,sempre curtindo minhas músicas antigas,minha Dance Music e ela eclética. Papo vai,papo vem,um dia resolvemos ''trocar figurinhas'' e uma indicava uma música pra outra. Quando eu indicava músicas pra ela,eu sempre mandava uma pequena bio sobre determinado artista e uma foto.

Até que um dia,veio a sugestão : ''Você deveria fazer um blog''. Lembro de ter respondido : ''Um blog?. Será?''. No final das contas,fiz. 


                                                   Primeiro post do blog

Os primeiros posts do blog,foram sobre eles : 2 Brothers On The 4th Floor,Milk Inc.,Falco,Erika De Bonis e Magic Box (Tristano De Bonis).

Ao longo dos anos,fui aprendendo pouco a pouco a lidar com essa ideia. E também,pouco a pouco,fui recebendo o feedback da galera que parava um momento e lia alguma coisa que escrevia.

Aqui estou eu,agradecendo e comemorando mais um ano de blog. Cada comentário,cada história que foi dividida por aqui,que eu dividi com vocês,que VOCÊS dividiram comigo...Ah,quanto valor!.

No início,não tinha nem ideia que poderia ''conhecer'' pessoas tão bacanas,com o mesmo gosto musical que o meu. E olha aí onde estamos...

Além de ''conhecer'' essa galera bacana,através dos posts,tive (e ainda tenho) a possibilidade de ter o feedback de vários artistas/cantores. Feedback de uma galera que costumava a ouvir no rádio há anos e anos atrás e que graças ao blog,pude ter um contato bem legal.

E já são 7 anos de blog...7 ANOS. Nem eu acredito que já faz todo esse tempo. O que eu posso dizer?. Me faltam palavras. 

É doido que já são 7 anos escrevendo e escrevendo,e eu ainda abro um largo sorriso quando leio uma história,um agradecimento ou um elogio dos meus leitores. Sempre sentindo aquele frisson,cada vez que faço algo. Sempre sentindo aquele orgulho de fazer o que faço,sem prejudicar ou invejar ninguém. 

Muitíssimo obrigada por estarem comigo nesses 7 anos. Obrigada pelo incentivo de cada dia (sem nem ser preciso dizer : Continue). Cada comentário já é um incentivo pra mim. Obrigada por me aturarem (haha). Ou simplesmente,obrigada por serem meus leitores amados!.

Acreditem,vocês são o meu combustível de cada dia. Se o blog existe e está em pé até hoje,é porque vocês o fazem ficar em pé. E que possamos comemorar juntos,mais e mais anos de blog Aninhahy Dance!.

                                                                    Beijocas e muito obrigada!❤️
                                                                                      Ana

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Meu Top 5 : Masterboy

Olá,meus caros e queridos leitores!. Tudo bem?. Espero que sim. Sejam todos bem vindos e obrigada pela visita!!!.

Chegando por aqui algo bem bacana que resolvi fazer : Meu Top 5. Como o próprio nome já diz,serão minhas 5 músicas favoritas de determinado artista/projeto. 

As músicas estarão devidamente posicionadas de acordo com a minha preferência. No post de hoje,serão minhas 5 músicas favoritas do Masterboy.




Vocês não imaginam como foi difícil pra mim escolher APENAS 5 músicas do Masterboy. Eles têm músicas pra caramba e além do mais,são todas maravilhosas. 

Para começar bem,a 1ª escolhida é esta : Is This The Love (1994)



A 2ª maravilhosa vem aí : Everybody Needs Somebody (1993)



A é esta : I Got To Give It Up (1994)



Vamos com a : Generation Of Love (1995)



E finalizando com a 5ª : I Need A Lover Tonight (2002)



Masterboy é bom demais,não é?!. E aí,gostaram do meu top 5 Masterboy?. Concordam com as posições das músicas?. Não?. Então,diz aí quais seriam as suas 5 músicas favoritas do Masterboy. Quero ver o seu Top 5. 

É claro que se tratando de Masterboy é difícil,eu amo todas as músicas deles e acho que vocês pensam como eu. 

Em breve,mais do Meu Top 5 com outros projetos. Fiquem ligados!.

É isso. Espero que tenham gostado. Obrigada por conferir mais esse post. Nos encontramos no próximo. Até lá,pessoal!!!.

segunda-feira, 19 de março de 2018

Planet Funk : 18 anos de Chase The Sun

Olá,meus caros e queridos leitores!. Tudo bem?. Espero que sim. Sejam todos bem vindos e obrigada pela visita!!!. 

Já estamos no 3º mês de 2018 e muitas músicas completarão 18 anos neste ano. Então,vamos dar início as comemorações. 

A música do post de hoje é a sensacional Chase The Sun,do Planet Funk!.


Escolhi esta música para ser a 1ª comemorativa do ano,por eu simplesmente AMAR e ter muitas boas recordações com ela. Ah,saudade. Senhoras e senhores,a nossa primeirona a apagar velinhas por aqui (como disse) é Chase The Sun,dos italianos do Planet Funk.



Chase The Sun foi escrito por Alessandro (Alex) Neri,Marco Baroni,Sergio Della MonicaSimon Duffy. Foi produzido por Alex,Marco e Domenico "GG" Canu.

Chase The Sun foi o 1º single dos italianos e está no (também) 1º álbumNon Zero Sumness,de 2001. A música foi lançada em 2000.

Existe um vídeo de um show com a participação da cantora Tara McDonald,que eu achei muito bacana e ela canta Chase The Sun ao vivo. Num primeiro momento,pensei que fosse ela a verdadeira vocalista dessa obra prima de música,mas não é ela.

A bela voz que ouvimos em Chase The Sun é da cantora Auli Kokko (que infelizmente não aparece no vídeo da canção). 


                                                Photo by Vincenzo Martorana

O pessoal do Planet Funk sampleou uma parte da canção de Ennio Morricone,chamada Alla Luce Del Giorno (de 1969),para criar Chase The Sun.

Agora,uma informação triste : Sergio Della Monica,um dos compositores de Chase The Sun e um dos fundadores do Planet Funk,faleceu mês passado,em decorrência de complicações de uma pneumonia. Ele tinha 58 anos. R.I.P.,Sergio!.

Chese The Sun foi lançado em 2000,mas só conheci a música em 2002. E olha,como tocou,hein?!. Era direto e muitas das vezes nas 7 Melhores da Jovem Pan.

Eu simplesmente amava ouvi-la no rádio. Foi justamente naquela época em que eu subia no sofá e ficava dançando e pulando igual uma louca desvairada (haha). Um tempo muito bom que sinto muita falta.

Eu não fazia ideia do nome da música na época,só queria saber de curtir a vibe. Durante muitos e muitos anos,essa música ficou na minha cabeça (junto com 21st Century do Weekend Players),quando finalmente descobri o nome. Imagina se saiu alguma lagriminha dos olhos?!... óbvio.

Chase The Sun é uma das músicas que me emocionam bastante,cada vez que a ouço. Quando não sai lagriminhas dos olhos,ela me faz viajar num tempo muito valioso e as vezes os dois juntos (suspiros).

Saudade me define neste momento.

Bom,vamos relembrá-la?. Vamos,né?!. Vale muito a pena. Bora,povo!. Aumentem o volume e confiram Planet Funk feat. Auli Kokko - Chase The Sun. Boa vibe e boas recordações,galera!.



Confira a versão Adam Freeland's Fabric Mix :



Aqui,a apresentação com Tara McDonald que me referi no início :



Aqui,uma apresentação na Itália,em 2016 :



Uma pena a Auli não se apresentar com eles. Enfim,aumente o som para conferir a versão Instrumental Mix :



Vamos finalizando com Extended Club Mix :



Sensacional é a palavra que consigo definir Chase The Sun. 18 anos de um clássico das pistas,que tenho muito orgulho de guarda-la comigo,nas lembranças e no coração. 

Espero que tenham gostado. Obrigada a todos que conferiram mais esse post. Nos encontramos no próximo. Até lá,pessoal!!!.